Hábitos alimentares das crianças pioram com a idade e a exposição à publicidade

Crianças pequenas têm conhecimentos razoáveis sobre alimentação saudável, mas, conforme vão crescendo, fazem escolhas menos saudáveis. Uma pesquisa da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, em Portugal, feita com 600 alunos entre oito e 11 anos, mostrou que quanto mais idade tem a criança, menor é o consumo de alimentos naturais e maior o de industrializados, como os salgadinhos.

O estudo também sugere a influência da publicidade nos hábitos alimentares das crianças – estima-se que elas sejam expostas a mais de 46 mil propagandas por ano. Crianças mais velhas são mais sedentárias e passam mais horas vendo televisão e navegando na internet, sendo, portanto, mais expostas à publicidade. Segundo os pesquisadores, muito do que as crianças mais novas sabem sobre alimentação foi aprendido na escola, mas esses conhecimentos e comportamentos devem ser consolidados em casa, ou não serão mantidos após a pré-adolescência.

Fonte: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Portugal.

 

9722_01_A_810x400px_Banner-Mobile_Escolas-do-bem_Nutrifam

 

 

 

9722_01_A_810x400px_Banner-Mobile_Escolas-do-bem_Nutrifam

 

Anúncios