Cuidados com a saúde bucal infantil devem começar a partir do nascimento do bebê

Repassar conhecimentos sobre saúde aos pequenos é um dos grandes desafios da maternidade e a manutenção da saúde bucal infantil deve ser um dos assuntos inseridos na rotina familiar, com incentivos a atitudes preventivas, que vão muito além da escovação.

Segundo a odontologista Andrea Figueiredo, os cuidados com a higiene bucal podem começar antes mesmo da erupção dos dentes. “Após a amamentação ou uso da mamadeira, a mãe deve limpar a gengiva do bebê com um pano umedecido em soro fisiológico ou água limpa. A escovação pode ser introduzida a partir do primeiro dente, com uma escova de dentes infantil de cerdas bem macias e pasta de dente sem flúor”, explica.

cuidando-da-saude-bucal-das-criancas

De acordo com recomendação da Associação Brasileira de Odontopediatria (ABO), a primeira visita ao dentista deve ocorrer perto do primeiro aniversário da criança. No consultório, o profissional de odontologia poderá orientar sobre a escolha da escova correta para cada faixa etária, como deve ser feita a escovação e acompanhar o desenvolvimento dos dentes.

A adoção de uma alimentação saudável é outro ponto que deve ser levado em conta para cuidar da saúde bucal infantil. O consumo exagerado de açúcar, aliado a uma higiene bucal deficiente, pode propiciar o surgimento de cáries, periodontite (gengivite mais severa) e, em casos mais graves, até perda de dentes.

“A mãe possui um papel muito importante para a saúde bucal da criança. Manter os cuidados com a boca desde cedo faz com que a criança dificilmente esqueça os conceitos básicos da higiene bucal e carregue a importância desse cuidado para a vida adulta”, finaliza a especialista.

Fonte: Andrea Figueiredo, odontologista.

Este conteúdo é compartilhado pelo Programa Escolas do Bem, do Instituto Noa.

 

810x400 instituto infancia-app3

Anúncios